90, 60, 90: essas são as medidas ideais de um corpo perfeito, referindo-se ao busto, cintura e quadril. Há 40 anos estas eram as medidas da mulher perfeita e muitas usavam diversos artifícios para obterem e manterem essas medidas. Na falta das tecnologias de hoje em dia, como clínicas de estética e cirurgias plásticas, as mulheres recorriam aos corpetes e espartilhos para ficarem com as famosas “cinturinhas de pilão” e fazerem muito sucesso por aí.

Hoje, mesmo com as tecnologias é sempre bom ter um corpete ou um espartilho para ocasiões especiais. Aquele casamento em que você vai usar um vestido super justo. Aquela festa, que pede um visual mais sensual. Aquela roupa que há muito tempo você não usava e que precisa de uma “forcinha” para se adequar ao corpo. Há sempre um bom motivo para usar o corpete.

Você sabe qual a diferença entre corpete, corset, espartilho e corselet? À primeira vista parece ser tudo a mesma coisa, mas na verdade cada um tem uma função específica. É importante saber para que serve e quando deve ser usado antes de comprar o seu. Conheça as diferenças desses acessórios que deixam qualquer mulher mais bonita e poderosa.

O Corset, também é chamado de espartilho, que é sua tradução ao pé da letra para o português. Ele possui barbatanas e é o mais estruturado. Possui várias camadas de tecido e são muito usados como peça de roupa, deixando de ser peça única do departamento de moda íntima. Por ser o mais estruturado e o que dá mais trabalho para ser feito, o corset também é o mais caro de todos, mas o investimento vale à pena!

O espartilho é muito encontrado em lojas de lingerie como opção aos conjuntos tradicionais. Porém, os espartilhos encontrados em lojas de lingerie são apenas inspirados nos antigos modelos usados para marcar a cintura das mulheres, os quais possuíam inúmeras amarrações nas costas pressionadas de acordo com a “cintura desejada”.

O corselet, por sua vez possui materiais mais rígidos, couro ou metal, por exemplo e é um objeto de adorno e fetiche. E o corpete, mais conhecido entre nós, brasileiras, são as blusas com barbatanas, usadas sobre camisas, fechadas com zíper, colchetes ou amarralçoes, apenas inspiradas nos corsets.

 

VEJA TAMBÉM

Deixe seu comentário!